Wednesday, 15 July 2015

Os Segredos de Uma Boa Pintura

Escolher a cor que será usada em uma parede não é uma decisão fácil. Existem milhares de tonalidades disponíveis que podem trazer as mais diferentes sensações e efeitos aos ambientes.
Mas depois de eleger uma cor, quem não fica na ansiedade para ver o tom aplicado na parede?
Para receber a tinta, entretanto, a superfície precisa estar bem preparada! Isso significa que a parede tem de estar uniforme, limpa e seca, sem imperfeições, pó ou até mesmo brilho.
A dica para obter o máximo de eficiência, proteção e rendimento é seguir rigorosamente as instruções da embalagem.

Conheça Algumas Dicas Para Evitar Manchas na Pintura:


1. Se alguns pontos receberam a aplicação de massa corrida ou acrílica para correção de imperfeições, essa superfície pode ter ficado porosa, dificultando a absorção. Para esses locais, a dica é aplicar uma demão de tinta com trincha e aguardar a secagem de quatro horas.
2. Utilize espátula retangular para a homogeneização adequada. Dessa forma, serão evitados pigmentos não dispersos. O tempo de homogeneização deve ser o suficiente para uma completa mistura da tinta. 
3. Aplique demão de tinta sempre com rolo de lã de pelo baixo. Os rolos de pelo alto não espalham corretamente o produto sobre a superfície.
4. Para evitar o desbotamento da cor, aplique duas ou três demãos.
Além de preparar a superfície, vale destacar que outros fatores como diluição, temperatura, tempo de secagem, também influenciam na obtenção de uma boa pintura.

Como Pintar Paredes e Tetos


Pintar um interior não é uma tarefa muito difícil, mas como tudo deve-se seguir algumas regras básicas. Neste artigo vamos explicar algumas dessas regras para que consiga fazer um trabalho rápido e bem feito.




Preparativos

  • Pense muito bem como vai fazer o trabalho, a cor ou cores que vai aplicar, a tinta que vai utilizar e a quantidade que vai necessitar, se é necessário um prime, se é ou não necessário efetuar reparações nas paredes, etc., para que possa comprar todo o material necessário e assim não ter que voltar à loja quando já estiver com as mãos na “tinta”;
  • Com todo o material em seu poder, esvazie o cômodo o máximo possível, coloque no centro os móveis que não puder retirar, e cubra-os com um plástico, pois não há nada mais aborrecido, trabalhoso e às vezes difícil, do que ter que limpar os restos de tinta no final do trabalho;
  • Proteja cuidadosamente os rodapés, os portais das portas e esquadrias, utilizando fita adesiva apropriada que não danifique os suportes nos quais for colada;
  • Desmonte as tomadas e os interruptores, após desligar a corrente, isole algum fio que estiver descascado;
  • Cubra todo o chão com um lençol de plástico grande;

Preparar as Paredes


Uma boa preparação das paredes é tão importante quanto o trabalho de pintura em si, por isso dedique-lhe toda a atenção.
  • Limpe as paredes com um pano ligeiramente húmido caso seja necessário, por exemplo se estiverem com muito pó;
  • As paredes e tetos que nunca foram pintadas, têm tendência a absorvem a tinta. Por isso aconselha-se a aplicar uma demão de um prime apropriado ou de uma demão de tinta bastante diluída em água, devendo os produtos serem da mesma marca para evitar incompatibilidades entre produtos;
  • Paredes em gesso cartonado podem ser pintadas assim que as juntas estiverem secas (24 horas). Deverá aplicar primeiro uma demão de um prime adequado a este material;

Paredes e Tectos Já Pintados


Se as paredes ou tetos estiverem com manchas de humidade ou fungos, trate primeiro estas situações antes de pintar.
  • Se as manchas de uma parede não saírem, aplique um prime próprio em todo o suporte (indispensável para as manchas de fuligem de uma chaminé, por exemplo). Se não efetuar esta tarefa, terá que aplicar várias demãos de tinta de acabamento na superfície até cobrir por completo as manchas, o que nem sempre é fácil;
  • Se as manchas forem provocadas por fungos, lave a superfície com uma solução diluída (1/4 litro de alvejante para 5 litros de água) e enxague com água limpa. Em seguida aplique um produto anti fungos e deixe atuar por um período de 24 a 48 horas. Após este período de tempo proceda com a pintura.
  • Repare buracos e fissuras com gesso ou massa corrida. Após a secagem, elimine as irregularidades com uma lixa fina. Não lixe uma parede estucada com muita força ou com uma lixa grossa pois pode danificar as paredes;
  • É sempre problemático sobrepor tintas de diferentes tipos, como, por exemplo, esmalte sobre tinta de água, sem primeiro ter tratado as camadas antigas;
  • As paredes pulverulentas (quer deixam resíduos de tinta na mão, quando são esfregadas) ou caiadas, deverão ser escovadas e levarem um prime apropriado, antes da aplicação da tinta de acabamento;
  • Se as paredes estão ainda em bom estado e não necessitam de reparações, passe uma lixa fina em toda a área a ser pintada, limpe o pó com um pano húmido e após secagem aplique a tinta de acabamento;
  • Para efetuar a pintura passe o rolo em áreas de +- 1m2 como se desenha-se um W, depois como se desenha-se um M (W invertido) e finalmente um W novamente.

Mais Algumas Informações

 A quantidade de tinta a ser aplicada depende, em grande parte, do tipo e da porosidade da superfície a ser pintada, as principais marcas de tinta costumam apresentar esta informação nos rótulos das latas, esta informação é indicada em rendimento de m2 por litro de tinta e por cada demão mas normalmente não são muito confiáveis pois tomam em consideração a melhor performance da tinta em condições otimais;,



– Para saber a quantidade de tinta que vai necessitar, pode fazer uma conta simples;

– Saber o rendimento do produto que vai usar por litro (normalmente indicado na lata dos produtos), por exemplo 10m2/lt, ou seja um litro desse produto dá para pintar 10m2. Note que isto pode variar devido a vários factores, como, o modo da aplicação, o estado das paredes e o equipamento utilizado.

– Medir o total de metros de cumprimento a serem pintados e multiplique (x) por os metros de altura = m2 (metros quadrados) total.

– Total metros quadrados a ser pintados a dividir pelo rendimento do produto por litro, por exemplo 150m2 / 10m2/lt = 15Lts.

– Para pintar um quarto existe uma ordem correta a ser seguida.

– Para pintar comece por pintar os recortes e cantos com uma trincha, depois com um rolo apropriado vá pintado áreas com aproximadamente 1m2 fazendo movimentos em forma de W, primeiro na vertical, depois na horizontal e, por fim, ligeiramente na vertical.

No comments:

Post a Comment